PUBLICIDADE

Ciclismo cresce no Interior do Ceará e ganha destaque nos grandes Jornais

Os desafios nas trilhas atraem os pilotos de Mountain Bike numa corrida contra o tempo.

Postado por: Sert News

26/08/2017 às 13h12 atualizado em 26/08/2017 às 13h12

Ciclismo cresce no Interior do Ceará e ganha destaque nos grandes Jornais
Divulgação >> Alex Pimentel

onsiderada uma das práticas esportivas mais saudáveis e completas, o ciclismo, quer seja por diversão ou competição, está crescendo no interior do Ceará. No último fim de semana ciclistas de várias cidades, inclusive de outros estados, se reuniram em Quixadá e Quixeramobim, no Sertão Central, para se confraternizarem e participarem de provas esportivas, o Monólitos MTB Racing – Quixadá, valendo pela 2ª Etapa do Vale Extreme, de Mountain Bike e a cidade vizinha, a 2ª Etapa do Campeonato Cearense de Bicicross e o 1º Nordestão de Bicicross.

Em Quixadá, de acordo com os organizadores, 370 ciclistas participaram da competição em diversas categorias. A prova e o circuito organizado pelos esportistas e desportistas Wagner Silva e Lucas Viana foi elogiada pelos participantes, que seguiram à Terra dos Monólitos em caravanas. Além da hospitalidade, do café da manhã especial ficaram encantados com o espaço escolhido para o padoque, o Parque de Exposições Valdir do Couto Dinelly, da Associação Cearense de Criadores de Ovinos e Caprinos do Ceará (Acocece).

Muitos já haviam se hospedado no dia anterior nos hotéis de Quixadá. Antes da despedida visitaram o Açude Cedro. Caravanas como a dos “Cangaceiros”, de Limoeiro do Norte, pretendem voltar fora dos circuitos de competição e conhecer outras trilhas de Quixadá. Ficaram impressionados com a riqueza natural da região e os seus desafios. Equipes de Morada Nova, Russas, Jaguaruana e Aracati, vieram do Vale do Jaguaribe e do Litoral Leste para o Monólitos MTB Racing.

As duas competições de BMX, outra modalidade de ciclismo, realizadas em Quixeramobim, no sábado e no domingo, atraíram aproximadamente 130 pilotos de várias regiões do Ceará e também do Rio Grande do Norte. O mérito do sucesso das provas realizadas na cidade foi reconhecido ao piloto Jurandi Nunes Dicross. Ele não escondeu a emoção na ultima largada da categoria Elite Men. Após a prova, voltou ao gate nos braços dos pilotos chorando. Há 15 anos Dicross se dedica ao ciclismo e à realização de provas de BMX no Sertão Central.

FONTE: Blog Diário SC

0 Comentário (s)