PUBLICIDADE

Prefeitura de Quixadá suspende cobrança de IPTU após reclamações de reajuste excessivo

A sobrecarga estava recaindo sobre os mais humildes, daí a necessidade da correção.

Postado por: Sert News

15/06/2018 às 12h22 atualizado em 15/06/2018 às 12h22

Prefeitura de Quixadá suspende cobrança de IPTU após reclamações de reajuste excessivo
Prefeitura de Quixadá suspende cobrança do IPTU após identificar distorções nos valores da taxa.

cobrança do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) deste ano foi suspensa no Município de Quixadá. A decisão foi tomada pela prefeitura após identificar distorções na aplicação de valores realizada pelo sistema eletrônico que emite os boletos da taxa predial para residências, comércios e instituições. A recomendação aos contribuintes que já receberam a cobrança é de não realizarem o pagamento até a análise técnica de cada caso.

As reclamações tiveram início quando os boletos começaram a chegar às mãos dos contribuintes, no início da semana. Em alguns casos, principalmente de estabelecimentos comerciais, a taxa teve reajuste superior a 300%. O aumentoconsiderado excessivo, levou os representantes da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) nesta cidade a se manifestarem. A Associação de Imprensa do Sertão Central (AISC) também cobrou revisão dos reajustes.

Segundo a assessoria da prefeitura de Quixadá, nos quatro anos da administração municipal anterior não foram efetuadas as correções monetárias do imposto que tem como objetivo arrecadar recursos para aplicação em melhorias urbanas para a população. Em alguns casos houve até isenção do imposto para proprietários de grandes estabelecimentos. A sobrecarga estava recaindo sobre os mais humildes, daí a necessidade da correção.

Todavia, como há compromisso de uma tributação justa e alinhada com o bem da população de Quixadá, a prefeitura pretende, o mais breve possível, apresentar o resultado da análise do sistema e os desdobramentos e soluções para a situação. Os recursos captados serão aplicados na recuperação da malha viária da cidade, em condição precária, por abandono dos gestores municipais anteriores, completou a assessoria.

FONTE: Diário SC
TAGS: QuixadáIPTU

0 Comentário (s)