Universidade Petrobras forma primeira turma de Técnicos de Segurança em Natal

Cerimônia de formação da Universidade Petrobras em Natal (RN) contou com a presença do presidente Jean Paul Prates 03/05/2024 Por: Carlos Bullé

Cerimônia de formação da Universidade Petrobras em Natal (RN) contou com a presença do presidente Jean Paul Prates 03/05/2024 Por: Carlos Bullé

Cerimônia de formatura aconteceu na sede da FIERN, na capital potiguar, e contou com a presença do presidente da companhia, Jean Paul Prates. O curso de formação é uma parceria com o SENAI-RN e os 53 novos Técnicos de Segurança da Indústria de Energia (Oléo & Gás e Novas tecnologias) já podem assumir seus cargos dentro da Petrobras.

Novo formando da Universidade Petrobras e o presidente Jean Paul Prates

A Universidade Petrobras formou, nesta quinta-feira (02/05), em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI-RN), a sua primeira turma de Técnicos de Segurança em Natal, no Rio Grande do Norte. Ao todo, 53 profissionais, sendo 20 mulheres, foram especializados em Técnicos de Segurança da Indústria de Energia (Oléo & Gás e Novas tecnologias) e já podem assumir seus cargos de trabalho dentro da Petrobras. A cerimônia aconteceu na sede da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (FIERN) e contou com a presença do presidente da companhia, Jean Paul Prates, do gerente geral da Universidade Petrobras, Antonio Felipe Flutt, dos novos funcionários, além de diversas autoridades.
 
Os formandos são profissionais de todo o país aprovados no concurso mais recente da companhia e vai habilitar cerca de mil técnicos recém-contratados da Petrobras em uma investida nacional da empresa, que terá também formações para equipes nos estados da Bahia, Rio Grande do Norte, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. O Polo Regional da Universidade Petrobras no Rio Grande do Norte foi lançado em outubro do ano passado e a turma de formandos iniciou o curso já no dia 7 de novembro.
 
“A Petrobras é feita de gente. Fico feliz de ver cada formando dessa turma, que são nossos novos colegas de trabalho. Feliz, também, de estarmos adotando medidas para o fortalecimento da Universidade Petrobras para torná-la cada vez mais capaz de atender plenamente às necessidades da companhia. A UP está voltando a ser um centro de referência em ensino, aprendizagem e gestão do conhecimento não só para a Petrobras, mas para a indústria de energia no país”, celebrou o presidente Jean Paul Prates.
 
Segundo o gerente geral da Universidade Petrobras, Antônio Felipe Flutt, a unidade do Rio Grande do Norte tem o objetivo de criar condições e oportunidades para a formação de parcerias com instituições de ensino locais, associações profissionais e outras empresas da região. Desta forma, a Petrobras está construindo uma importante parceria técnica com o Hub de Inovação e Tecnologia do SENAI-RN, em Natal, com o Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), Faculdades de Energias Renováveis em Natal e Mossoró. Além disso, o CTGAS-ER (Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis) é uma instituição de referência na área de energias renováveis no Rio Grande do Norte, oferecendo cursos, projetos e serviços de pesquisa e desenvolvimento.
 
“Essa turma de formandos é mais um importante marco na história da Petrobras, que reafirma o compromisso em fortalecer a presença no Nordeste, transformando a região em um importante polo de investimentos. A Petrobras sempre foi uma empresa formadora de conhecimento no Brasil, contribuindo para suas atividades e para a sociedade brasileira. Nossa competência técnica está nas pessoas e vamos valorizar a capacitação e a retenção de conhecimentos e talentos. É muito gratificante estar aqui neste momento”, explica o gerente geral da UP, Antônio Felipe Flutt.
 
A chegada da UP desempenha um papel importante no desenvolvimento de talentos locais, fortalece a capacidade da força de trabalho da empresa e estimula o crescimento econômico regional, ao fornecer uma mão de obra especializada localmente, além de estimular iniciativas de geração de emprego e renda. O Polo Regional no Rio Grande do Norte também vai contribuir para o desenvolvimento sustentável da região e do país, capacitando profissionais e desenvolvendo tecnologias voltadas para fontes mais limpas e sustentáveis de energia.
 
“As parcerias estratégicas irão promover uma troca de conhecimento, compartilhamento de recursos e colaboração em projetos de pesquisa e desenvolvimento. A Universidade Petrobras tem um compromisso com a transição energética da companhia. O Campus avançado em Natal é um passo importante nessa direção”, reforça Flutt.

Descubra mais sobre SertNews

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading